1 de fevereiro de 2015

Pouso Seguro

A pouco tempo atrás, um passarinho entrou onde estávamos e começou a bater nos vidros da janela querendo sair. 

O pegamos para evitar que se machucasse e pudéssemos soltá-lo.
Estava chovendo muito e ele ficou um tempo a mais sob nossos cuidados. 

Quando a chuva diminuiu, o levamos para que voltasse para a sua casa, a natureza.
E foi uma surpresa ver que ele não quis ir imediatamente. 

Estava saudável e pronto para cruzar os céus, mas antes ficou mais um bom tempo lá, quietinho, entregue. Até posou simpaticamente para uma foto, LINDO DEMAIS!!!


Somente a confiança e o respeito são capazes de fazer um ser ficar perto a outro quando pode simplesmente voar...

Autora: Nathalia Wilke

Um comentário:

Expressar Impressão