1 de fevereiro de 2017

Sobre escutar o coração

Se a vida jogar seus dados e a cabeça enxergar restritas alternativas, pergunte ao seu coração. Ele é astuto e sabe até como fazer as mesmas coisas de forma diferente.

Quando a vida cobrar, talvez ela não veja seus bastidores, o quanto você perdeu o sono, do que abriu mão, do esforço empreendido. Talvez ela pegue no ponto que você falhou, no que precisa melhorar. Um detalhe basta para ela mandar sua conta, alta!

Pergunte ao seu coração do seu valor, ele saberá reconhecer. Ele vai te dar forças para persistir lutando, para continuar no caminho. Ele te sabe imperfeito e te quer aprendiz. Enquanto a mente pode facilmente bater junto com o mundo ou mesmo mais forte, pois do lado de dentro se você permitir. Mas o coração vai te proteger e te dar serenidade e centramento para acalmá-la e colocá-la a seu favor.

O coração fala alto no silêncio, sobre paz. A mente, nos avalia e julga em um silêncio barulhento. O coração só quer ser, está aqui, presente, vivo, batendo na porta e querendo falar conosco. O coração nos pede coragem. A mente desconfia, planta medos, imagina cenários e sai por ai, para o passado ou futuro. O coração sabe que o agora é o único lugar que você pode estar e exatamente o que precisa.

E que é só a partir de reconhecer e aceitar esse ponto que você caminha ...


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Expressar Impressão